O Gatinho Faminto – P/322

O Gatinho Faminto Tarde de Primavera, começava a escurecer;no quintal, chorava o pobre e meigo gatinho.Desprotegido, londe de seu dono, ia morrer!Faminto, a criaturinha precisava de carinho. Nossas lágrimas rolavam ao ver a cena,o gatinho miava, queria algo para comer;fomos ao encontro do bichinho, com pena,pois também ele tem o direito de viver. Saciada a…

O Paradoxo de nosso momento – A/0563

O Paradoxo de nosso momento“O paradoxo do nosso momento na História étermos prédios mais altos, mas paciência curta;rodovias mais largas, mas pontos de vista mais estreitos;nós gastamos mais, mas possuímos menos;compramos mais, mas aproveitamos menos.Nós temos casas maiores e famílias menores,mais conveniências e menos tempo;nós temos mais diplomas, mas menos razão;mais conhecimento, mas menos juízo;mais…