Novos Tempos – P/334

Novos Tempos A Humanidade vai por espinhosos caminhos, na busca célere de fé, amor e compreensão… antes era assim, e continua ainda, lutando sem parar. Angústias existem no coração! Vive-se novos tempos, com parplexidade, obstáculos estão em toda parte, e cansa… há quem perceba que tudo é efêmero aqui, mas vale ainda a pena viver…